No último sábado, 10/03, foram conhecidas as equipes vencedoras da primeira edição do programa AGITA Vale do Aço. A startup “Veguiando” conquistou o 1º lugar.  A proposta da startup é se tornar um marketplace vegano com foco nos pequenos produtores, reunindo em uma única plataforma um grande número e variedade de produtos veganos. A equipe é formada por Elton Rodrigues, Vinícius Colombini e Marcele Pena. A startup nasceu durante o Startup Weekend Vale do Aço 2017, evento em que conquistou o 2º lugar.

“No Brasil são 5 milhões de veganos, além das pessoas que deixam de comer carne por algum motivo e são potenciais consumidores de produtos veganos. Para essas pessoas, é muito difícil encontrar os produtos para consumo”, explica o desenvolvedor Elton Rodrigues. “Para resolver esse problema surgiu a Veguiando. Nossa proposta é ser um shopping vegano de roupas, calçados, cosméticos, alimentos, etc”, explica.

Em 2º lugar, ficou a startup Influenzer. A startup surgiu com o objetivo de aumentar a interação e o engajamento das empresas com os clientes nas redes sociais. A solução é uma plataforma de fidelização de clientes, que funciona como um programa de recompensas, gerando pontos baseados nas interações nas redes sociais e emitindo, para as empresas, relatórios sobre o comportamento dos clientes.

O 3º lugar ficou para a startup Usivox. Com foco em ambientes industriais com elevados níveis de ruído, a startup desenvolveu um algoritmo capaz de suprimir o ruído industrial e detectar erros em linhas de inspeção da laminação a frio. “Após detectado o defeito o sistema é capaz de acionar a equipe de manutenção em tempo real, já informando o local exato da fonte geradora do defeito”, explica o diretor executivo Tiago Bicalho.

As startups vencedoras do programa AGITA Vale do Aço receberam premiações em dinheiro para utilizarem em soluções do programa Sebraetec, do Sebrae Minas.

Agita Vale do Aço 2018

Programa AGITA

O programa AGITA é uma iniciativa da Escola do Sebrae, que nasceu com a proposta de dar suporte ao desenvolvimento de novas ideias de negócios, em um ambiente de aprendizado e oportunidades, com foco na vivência de mercado. Com três meses de duração, o programa oferece capacitações, mentorias, palestras e workshops, além do networking com especialistas do Sebrae e do ecossistema de startups.

Essa foi a primeira edição do programa no Vale do Aço. Em Belo Horizonte, o programa já está indo para a terceira edição.